A FRASE DE UM GRANDE AMIGO:

VOCÊ CONFIA EM MIM? DIAS DEPOIS ME CONVENCI DE QUE SÓ DEVO CONFIAR NA JUSTIÇA.

"Não se escravize às opiniões da leviandade ou da ignorância."
Não importa o que os outros pensam ou dizem de nós.
O que verdadeiramente importa é aquilo que realmente somos.
Tenha sua consciência tranquila, mesmo que seja condenado.
Não se esqueça de que Jesus foi condenado, e Herodes foi o vencedor momentâneo.
Mas responda: qual dos dois foi verdadeiramente o vencedor?
Fonte: Minutos de Sabedoria, C. Torres Pastorino

terça-feira, 11 de junho de 2013

PMs votaram o início da “Operação Tartaruga"


Policiais Militares votaram, durante assembleia, na tarde desta terça-feira, no Ginásio dos Bancários, pelo início da “Operação Tartaruga” até que o Governo do Estado decrete o fim da escala de ciclo/período e regularize da gratuidade do transporte público para PMs de toda a Bahia.
“Os dois pedidos são direitos previstos em lei e devem ser acatados de imediato. A categoria decidiu que se não resolvido o problema até dia 20, a “Operação Tartaruga” está mantida até a Copa das Confederações”, afirmou o vereador soldado Prisco, coordenador da Aspra.
Segundo o vereador, a legislação que regulamenta o trabalho da categoria prevê escalas de 40 horas semanais, que somadas não podem ultrapassar 160 mensais, no entanto os militares são forçados a cumprir 180, 200 e até 220 horas a cada 30 dias.
De acordo com o coordenador-geral da Aspra, a escala de ciclo/período é uma manobra do Governo do Estado para fazer com que PMs trabalhem mais que o previsto em lei sem pagar horas extras durante a Copa das Confederações.
Os PMs também querem a regularização imediata do direito de gratuidade do transporte público. “Pelo menos dois mil continuam tirando dinheiro do bolso para ir trabalhar. Não vamos aceitar. Ambos são direitos previstos em lei”, ressalta.
* Com informações da assessoria de comunicação.
Fonte: www.asprabahia.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário